Dica - Luciane Vecchio

10 dicas para ter relações tranquilas no ambiente de trabalho

10 dicas para ter relações tranquilas no ambiente de trabalho

Autoconhecimento: quando sabemos quem somos, nos comunicamos de maneira mais clara e menos agressiva

1. Não aja com agressividade

Repare no tom da sua voz, em sua postura e linguajar. Se estiver nervoso, não converse naquele momento.

2. Busque colegas que lhe apoiem

Converse com mais colegas visando estabelecer um diálogo honesto com o líder, para que todos melhorem sua comunicação, engajamento e resultados.

3. Seja objetivo

Não fale de maneira confusa, não fique dando voltas, enrolando o assunto. Vá direto ao ponto! Não seja prolixo!

4. Pratique a escuta ativa e o silêncio

Nada mais respeitoso do que não interromper uma pessoa, ouvi-la olhando em seus olhos, com sincera atenção e cuidado. Acolher o outro é também acolher sua fala, sabendo o momento de falar, expor opiniões, discordar e até mesmo silenciar.

5. Pratique o autoconhecimento e a autoconfiança

Quando sabemos quem somos, nos comunicamos de maneira mais clara, menos agressiva e sabemos quando estamos apenas reagindo à fala do outro. Este é um processo longo e contínuo, mas que muda muito a nossa forma de ver o mundo e nossas relações! Buque ajude de um Psicólogo para ampliar o conhecimento sobre si mesmo! No consultório, percebo como o processo de conhecer a si mesmo é importante e muda a vida de uma pessoa!

6. Posicione-se

Seja corajoso para exercer a assertividade na comunicação. Sempre de forma respeitosa, escolhendo o melhor momento, exponha a sua opinião e discorde com bons argumentos.

7. Evite fofocas

Fale direto com quem deve falar, sem buchichos pelos corredores. Fofocas geram ambiente de mal-estar e improdutivo.

8. Analise o perfil do interlocutor para se comunicar de maneira correta

É alguém que fala mais? Que escuta mais? Se ajuste ao perfil dele para que a conversa chegue a um ponto comum e para que você seja verdadeiramente escutado.

9. Trabalhe em conjunto

Leve opiniões e soluções, buscando entrar em um consenso com seu líder, levando em conta a sua opinião. Seja proativo, mas também saiba recuar, admitindo quando sua ideia pode ser ajustada ou até modificada.

10. Mostre que está interessado no bem da empresa, da equipe e dos negócios

Exponha sua maneira de pensar focando nos resultados da empresa; saiba negociar! Mostre preocupação com o time e em como a produtividade da área pode ser melhorada. Bons líderes valorizam colaboradores motivados!

 

_____________________

Luciane Vecchio

Psicóloga Clínica, Master Coach - Associada/Franqueada SBCoaching®, Especialista em RH, Carreira & Negócios, Colunista de Carreira & Comportamento

CRP: 06/74914

Luciane Vecchio

Autor: Luciane Vecchio

Psicóloga Clínica, Master Coach, Consultora de Carreira, Especialista em RH, Orientadora Vocacional, Colunista de Carreira & Comportamento. CRP: 06/74914

[email protected]