• (11) 99576-8004
  • contato@lucianevecchioconsultora.com.br

Algumas atitudes que podem prejudicar sua imagem em uma empresa

Algumas atitudes que podem prejudicar sua imagem em uma empresa

Por mais amigos que nos tornemos dos colegas de trabalho, estamos sim em um ambiente em que há avaliação da postura, comportamento e interação.

Para isso, preparei algumas dicas sobre atitudes que podem "queimar o filme":

Procrastinação - ou o famoso "desrespeito aos prazos e combinados" - atitude que atrapalha qualquer equipe, ainda que seu trabalho seja um pouco mais "solitário".Este comportamento coloca em xeque a credibilidade do profissional!

Não assumir seus erros - muitos profissionais colocam a culpa até no papa, mas nunca em si mesmos. O erro é sempre do colega, do outro setor, da outra empresa… assumir responsabilidade é sinal de maturidade, característica mais do que necessária em tempos de grande demanda, crise e equipes enxutas!

Falta de organização - comportamento que, aliado à procrastinação, é extremamente mal visto pelas organizações.Usar artifícios para adequar seu tempo às suas atividades é mais do que necessário quando o profissional têm dificuldade em se organizar.O 5S, que pode até parecer bem chato para alguns, é mais do que necessário para começar a organizar tempo, tarefas e coisas.

Dificuldade de trabalhar em grupo - aquela pessoa que não ouve, está sempre certa, o que faz é melhor e suas ideias sempre têm que vencer; aqui entre nós, além de ultrapassado, este comportamento faz com que o profissional seja "persona non grata" em um grupo. Quem quer trabalhar com alguém assim? Atualmente, os projetos com diferentes componentes, personalidade e multidisciplinares são cada vez mais comuns. Aprender a trabalhar em time é condição prévia para ser contratado em quase que todas as empresas.

Falta de interesse - aquele profissional que só fala mal da empresa, do líder, dos colegas e é o famoso "braço curto", economiza energia e "evita a fadiga" a qualquer custo. Nada pior do que conviver com alguém que não tem planos, metas ou real interesse pela carreira que escolheu.

O “mimimizento” - aquele que se dói por tudo, todas as críticas sempre o afetam emocionalmente, está sempre reclamando por qualquer coisa que considere contra seus conceitos e tudo o incomoda. Vê qualquer intervenção como negativa.

Falta de foco - por mais que conversar ou resolver assuntos pessoais seja necessário - afinal se passa muito tempo no escritório - estas tarefas não devem ocupar a maior parte do seu tempo. Socializar sim, mas passar 100% do tempo cuidando de assuntos pessoais prejudica a imagem que os outros fazem deste colega. Rever posturas é mais do que importante! A maior parte das pessoas têm filhos, tarefas fora do ambiente profissional, doenças, mas isso não deve ser usado como desculpa para estar sempre ocupado com assuntos não profissionais.

Isolar-se do mundo - sim, nem todos são extrovertidos ou devem ser em todo tempo, mas ter sempre um compromisso na hora do almoço e nunca poder confraternizar com os colegas realmente pega mal. Enturmar-se, conhecer pessoas de outros departamentos, setores e até regiões da empresa na qual trabalha é importante e necessário. Conhecer atividades diferentes, preocupar-se sinceramente com as pessoas é sinal de generosidade. Não precisa ser o “palhaço” da equipe, mas pega mal estar sempre sozinho.

Levar fofoca para todo canto - por mais que ocorra, é uma atitude inadequada, ultrapassada e que prejudica, inclusive, a produtividade. Dê preferência pelos comportamentos mais discretos e educados. Use melhor seu tempo!

Fazer de tudo para ser o preferido do chefe - por mais estranho que pareça, ainda vemos alguns profissionais que passam por cima de qualquer ética para chamar a atenção. Obviamente, o líder deve estar atento mas, muitas vezes, com a correria e o poder de “camuflagem” do colega, estas atitudes passam despercebidas. Nada mais antigo do que levar o crédito pelo material que não criou, pelo projeto que não desenvolveu ou pela ideia que não teve, aprender a ser generoso é mais do que importante em um ambiente de trabalho.

 

______

E se você precisar aumentar a sua performance, em qualquer área da vida, inclusive carreira, já sabe, não é? Pode falar comigo!

 

Luciane Marcovecchio

Coach, Psicóloga, Especialista em RH, Consultora de Carreira

CRP: 06/74914

www.lucianevecchioconsultora.com.br

Consulte serviços de Coach, Aconselhamento de Carreira, Revisão de CV e etc.

Acesse: https://www.facebook.com/consultoriaRHcarreira/

 

* com exceção da primeira imagem, o texto é de minha autoria, se for compartilhar, cite autor e fonte!®

Luciane Vecchio

Luciane Vecchio

Psicóloga, Psicanalista, Coach, Especialista em RH, Consultora de Carreira, Orientadora Vocacional.

contato@lucianevecchioconsultora.com.br