• (11) 99576-8004
  • contato@lucianevecchioconsultora.com.br

Palavras sobre feedback

Palavras sobre feedback

Palavras sobre feedback

  • Lembre de nunca se tornar um “gerente não presente” – esteja perto, mesmo que geograficamente distante, dos seus subordinados
  • Mantenha contato constante com sua equipe – foque em assuntos relevantes para o desempenho deles, não apenas amenidades
  • Você não precisa ser “amado o tempo todo”, mas precisa inspirar e demonstrar que a sua equipe pode confiar em você
  • Cobre responsabilidade da pessoas
  • Ajude os bons a melhorarem ainda mais – contrate subordinados competentes e que têm desejo pelo aprendizado
  • Verifique até onde deve ir com os funcionários menos envolvidos
  • Todo colaborador, até o mais introspectivo, está ansioso por saber como está se saindo
  • Pratique feedback o ano todo
  • Feedback serve para influenciar (habilidades e hábitos) – é conversa que gera impacto
  • É intencional e você dá a devida importância a ele, o prioriza
  • Não se utiliza apenas de um momento no ano para praticá-lo
  • Reconhece as motivações de cada um – creia, são diferentes de um funcionário para o outro
  • Feedback é muito claro, é educado, estudado, planejado
  • Refere-se sempre a comportamentos (mensuráveis) nunca à personalidade
  • Você nunca perde uma oportunidade de praticar feedback
  • Você reserva espaço para cada colaborador, você o ouve, não apenas fala
  • Deixa claro que o outro importa
  • Compartilha informações de qualidade
  • Aborda de maneira construtiva o que precisa ser melhorado
  • Ouça queixas, proporcione injeções de ânimo
  • Discuta soluções, seja claro, detalhista
  • Prometa o que pode ser cumprido
  • Não trate a todos da mesma forma – isso não é justiça, é perder a oportunidade de reconhecer cada um, com suas particularidades
  • Sonde o ambiente
  • Dê autonomia, mas mostre-se presente e participativo
  • Intervenha, esclareça, corrija
  • Celebre, encoraje, reconheça, elogie, celebre
  • Pratique o “estar à vontade” quando fornece feedbacks – é treino
  • Não apenas aponte erros, mas se comprometa a buscar a mudança junto de seus colaboradores
  • Treine para que seu feedback não se pareça com aquela velha professora da infância “dando bronca”
  • Não cometa o famoso “mas” >> “Você foi muito bem naquela negociação, mas...” – separe elogios de críticas. Substitua o “mas”, pelo “e”
  • Seja firme, mas educado – seja firme e educado!
  • Não há necessidade de utilizar-se da velha técnica “falo tudo que é ‘ruim’ no começo, para assoprar depois”. Feedback não é uma conversa à toa, mas também não é uma peça ensaiada.
  • Seja construtivo, posicione sobre o que funciona e sobre o que precisa ser mudado (e os porquês década um)
  • Pratique o chamado “feedback de reforço” – reforce um comportamento para que se torne um hábito. Reconheça progressos
  • Não considere que um prêmio polpudo é um agradecimento suficiente
  • Agradeça
  • Incentive
  • Tenha conversas difíceis, sem medo. Pratique de forma correta o “feedback negativo” – informe o que precisa ser melhorado e coloque-se à disposição para auxiliar no processo de mudança
  • Não seja bonzinho demais, mas também não vá para o lado oposto “parecer excessivamente negativo”
  • O centro do feedback é o colaborador, não você. Não há nenhuma vantagem em dizer: “por que eu, nos meus tempos de ..., fazia de tal forma...”
  • Encontros rotineiros podem ser excelentes momentos para feedback, não necessariamente com cara de “informalidade”, mas sim de “aproveito cada momento que posso”
  • Planeje e roteirize os seus feddbacks – as competências e itens do PDC podem ajudá-lo bastante. Não vá a uma sessão de feedback sem um bom planejamento. Afinal, cada colaborador é diferente do outro.

 

Muitas vezes, um feedback que você pensa ser perfeito, não faz efeito na cabeça determinada pessoa. Portanto, personalize!

 

Luciane Marcovecchio

Coach, Psicóloga, Especialista em RH, Consultora de Carreira

CRP: 06/74914

www.lucianevecchioconsultora.com.br

Consulte serviços de Coach, Aconselhamento de Carreira, Revisão de CV e etc.

Acesse: https://www.facebook.com/consultoriaRHcarreira/

 

* com exceção da primeira imagem, o texto é de minha autoria, se for compartilhar, cite autor e fonte!®

Luciane Vecchio

Luciane Vecchio

Psicóloga, Psicanalista, Coach, Especialista em RH, Consultora de Carreira, Orientadora Vocacional.

contato@lucianevecchioconsultora.com.br